Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2007

O QUE É A HOSPITALIDADE?

QUANDO A MAIORIA DAS PESSOAS PENSA SOBRE O SETOR DE HOSPITALIDADE, NORMALMENTE CONSIDERA HOTÉIS E RESTAURANTES. ENTRETANTO, O VERDADEIRO SIGNIFICADO DE HOSPITALIDADE É DE ESCOPO MUITO MAIS AMPLO.
A hospitalidade era praticada por todos os gregos e baseada num preceito divino. Os estrangeiros e viajantes eram protegidos por Zeus Xênios, ou Zeus Viajante. A hospitalidade, segundo Cunha (1997:63), constituía-se num ato honroso e numa instituição que obrigava o cidadão grego a receber com benevolência os estrangeiros que chegassem à cidade. Aqueles que recebiam deviam dar de beber aos hóspedes, oferecer-lhes sal e lavar-lhes os pés, mesmo antes de perguntar-lhes o nome e saber o motivo da viagem. Em matéria de hospitalidade pública eram designados pelo Estado certos cidadãos, chamados proxenos, cuja missão era receber os estrangeiros, orientá-los e, caso surgissem complicações, ajudá-los a regressar às suas cidades de origem. A primeira obrigação deles era ajudar e dar toda a assistência …

CARREIRA E PROFISSÃO NA INDÚSTRIA HOTELEIRA

Profissionais de hotelaria trabalham em hotéis, pousadas, albergues e apart-hotéis para captar clientes, administrar o estabelecimento e prestar serviços de hospedagem, alimentação e lazer. Gerentes de hotel são responsáveis por todos os serviços de atendimento de hóspedes. Em grandes empresas do ramo, técnicos em hotelaria executam, sob sua supervisão, serviços de reserva, recepção, acomodação, informação e caixa. A estrutura do quadro de pessoal varia muito de acordo com o tipo e o porte do estabelecimento. Em pequenos hotéis ou pousadas, o gerente (ou mesmo o proprietário) pode ter uma equipe mínima e executar ele próprio a maioria das operações, supervisionando serviços de arrumadeiras e cozinheiras, fazendo reservas, recebendo hóspedes e fechando contas. Nos hotéis de grande porte, os gerentes têm assistentes ou chefes de departamentos sob seu comando, responsáveis pelos serviços de venda, relações públicas, recepção, convenções etc. As atividades dos profissionais de hotelaria …

DESAFIOS E ATRIBUIÇÕES DO GERENTE DE HOTEL

Imagem
Empenhei-me em listar alguns pontos que, em minha opinião, são atributos de um gerente de hotel e onde ele costuma errar. Logo no início, os estudantes esperam pelo o status da profissão, mas não há status. 
Como na guerra, os principais generais lideram o front, não ficam na retaguarda. Ponha-se sempre na linha de fogo. Os clientes gostam de se dirigir ao gerente – não ao subgerente, nem ao gerente do restaurante, ou da recepção. Pode ser um simples cumprimento com a cabeça, um aperto de mão ou um aceno, mas os hóspedes querem ser reconhecidos por quem está em posição mais alta. 
Como gerente você deve dar o exemplo de liderança. Muitos gerentes pensam que já realizaram tudo o que deveriam para estar na posição onde estão, e que agora pode acomodar-se. O setor hoteleiro e de lazer é amplo demais para ser resumido. Não é possível classificar o Hilton da mesma forma que classifica um hotel fazenda, ou resort. Por isso, o gerente precisa ter atributos diferentes. É necessário saber c…

COMO ENCANTAR O HÓSPEDE

Imagem
PRINCÍPIOS PARA OBTER A SATISFAÇÃO DO HÓSPEDESatisfazer um hóspede significa atender completamente suas necessidades e anseios. Um hóspede de hotel espera acomodações seguras, limpas e confortáveis. Um cliente de restaurante espera um refeição saborosa em um ambiente limpo e agradável. Preencher essas expectativas é prioridade paras os profissionais de hospitalidade. O trabalho está realizado apenas quando o cliente estiver satisfeito. Apesar de qualidade dos serviços ser contextualmente definida pelas expectativas hóspedes, algumas abordagens quanto ao serviço são quase universalmente aplicáveis. Para satisfazer e manter os clientes. Proponho esses dez princípios. IDENTIFIQUE SEU HÓSPEDE . Personalizar as relações usando o nome do hóspede nem sempre é possível. Mas uma interação sincera e calorosa é muito bem-vinda. DÊ UMA BOA IMPRESSÃO. Os hóspedes julgam o que sua propaganda, seja ela mídia, ou boca-boca anuncia de acordo com o que eles acreditam e apenas aceitam novas informações…

O MAIOR HOTELEIRO DO MUNDO - Conrad Hilton

Imagem
O MESTRE DAS FINANÇAS HOTELEIRAS Conhecido como o " maior hoteleiro do mundo", Conrad Nicholson Hilton começou sua carreira em hospedagem ainda garoto, quando seu pais reformou a casa de tijolos da família para incluir cinco quartos para hóspedes temporários. Aos 16 anos, Conrad Hilton liderava representantes de vendas para a casa dos Hilton, onde o hóspede pagava U$ 1,00 por um pernoite e uma refeição.

O ESPÍRITO DA HOSPITALIDADE

Imagem
Um símbolo para a hospitalidade é o abacaxi. Sua origem precisa é desconhecida, mas muitos acreditam que a idéia de utilizá-lo como símbolo foi emprestada dos primeiros povos a cultivar a fruta. Esses povos colocavam abacaxis do lado de fora de suas casas para demonstrar que os visitantes eram bem-vindos.Colonizadores europeus levaram a fruta para a Europa e para as colônias norte-americanas no século XVII. Como a exótica fruta era mais rara e mais cara do que caviar, simbolizava o que havia de melhor em termos de hospitalidade. Ela era utilizada para honrar a realeza e os hóspedes muitos ricos.

Profissionais da Hotelaria

Imagem
Os hotéis e os meios de hospedagens em geral, independentemente do tamanho, estão organizados de forma a oferecer à clientela hospedagem e serviços relacionados. Todos apresentam semelhanças organizacionais, uma vez que possuem essa missão em comum. No entanto, o fator humano é o mais importante. O staff é a "jóia" da casa! deve ser cuidada, polida, observada, disciplinada, treinada, pois erros são na maioria das vezes quases imperdoáveis em determinadas situações.

OS DESAFIOS DA HOTELARIA

Imagem
Os empresários de hotelaria, ou seja, donos de hotéis, lamentavelmente em sua maioria por este Brasil afora, ainda não entenderam a importância de um departamento de Recursos Humanos ou pelo menos a importância da estratégia da contratação, que requer no mínimo, profissionais qualificados e bem pagos, trabalhando nessa área. Entendo perfeitamente, que numa unidade hoteleira de 30 Uh's com um staff de 15 funcionários, não venha ter essa necessidade. Porém, profissionais competentes faz se necessário. Outra coisa que precisa ser esclarecida: mão -de- obra bem preparada não quer dizer, necessáriamente, muito experiente e cara. Nas minhas andanças pela hotelaria, tenho observado situações em que o dono do hotel é o centro das atenções, ou sua esposa ou seus filhos; e criam-se " estilos" , que na realidade, são verdadeiras " escolas de hotelaria" ensinando: a Arte de se conseguir sobreviver trabalhando com o doutor fulano de tal ou sua esposa o…