Por que o check in nos hotéis tem que ser ao meio dia ?



Toda profissão tem perguntas obvias que ninguém consegue responder.  A cena é igual para todo mundo.  No almoço de domingo vem aquela tia e pergunta:

Por que o check in nos hotéis tem que ser ao meio dia ? Porque não podemos escolher nosso apartamento na hora da reserva como fazemos nos aviões ?

Silencio no recinto…

Porque não pode. Respondem os neurônios de domingo.

Mas como nossa tia não merece o mesmo tratamento que recebemos quando pedimos isso a um hoteleiro vou tentar responder com mais elaboração.

Check-in tem que ser ao meio dia porque as equipes de limpeza e manutenção trabalham em turnos. Manter equipes de camarareiras continuamente para preparar apartamentos eleva custos e conseqüentemente preços. Afinal se o cliente pode sair a qualquer hora ele também vai ter que poder entrar a qualquer hora.  Saída e entrada ao meio dia permite o hotel gerenciar melhor seus custos operacionais. Certamente um hotel pode oferecer um serviço de open check in – check out.  Mas a tarifa vai  aumentar.

A segunda pergunta tem a ver com a primeira. E minha resposta pode parecer uma contradição absoluta: O cliente não pode escolher o apartamento no ato da reserva porque é impossível para o  hotel garantir que o hóspede anterior saia na hora e na data estabelecida. Sim, as chances são grandes mas a probabilidade existe.  E ai reside a inercia da maioria dos hoteleiros de não querer quebrar regras e correr riscos.

Nos aviões o gerenciamento é muito mais fácil pois se o cliente não saltar a companhia tem o direito de chamar a amável segurança.
Escrevo tudo isso para dizer que acaba de surgir nos EUA uma empresa que promete mover essa inércia hoteleira a favor do cliente: WWW.oroom77

A proposta do site é dar ao internauta o poder da escolha do apartamento.  Através do uso da tecnologia  “image search” do Google Maps e do cruzamento de latitude e longitude da localização do empreendimento, o site cria uma imagem virtual do que seria a vista interna e externa do apartamento. 

Apos a pesquisa  o internauta pode reservar diretamente no site do hotel ou através de um link com a Orbitz.com.  Por enquanto o Room 77 cobre apenas 2 500 hotéis nos EUA.

Único problema: o cliente não tem a garantia ainda de ganhar o quarto desejado. Digo ainda porque a Hilton já permite aos membros ouro e diamante do programa de fidelidade HHonors escolher  seus apartamentos com 36 horas de antecedência.
A razão da Hilton poder fazer isso é muito simples:  Trata-se da única rede de hotéis do mundo a possuir total controle e integração de seu sistema de CRS (back office de reservas) e seu sistema de PMS (back office operacional que controla o que ocorre em cada hotel da Hilton desde a entrada ate a saída do hospede). Um projeto de nome estranho chamado OnQ, que custou 50 milhões de dólares e 10 anos de testes e implantação.
Coisa de hoteleiro ousado. Que responde a todas as perguntas.  Ainda mais aquelas de clientes.
Postar um comentário

Mais lidos

GOVERNANÇA DE HOTEL

O CAFÉ DA MANHÃ DE UM HOTEL

O GERENTE DE ALIMENTOS & BEBIDAS